SEJA UM SEQUIDOR DO BLOG DO ACS ROBERTO

domingo, 8 de novembro de 2009

O TRAMA DE UMA MÃE! agente comunitária de saúde do município de Bragança,

http://obrarestauracao.files.wordpress.com/2009/01/pedofilia-3.jpg
Pai é acusado de estuprar a filha de nove anos

“Minha filha, se você não me contar nada, não poderei te ajudar”. Esse foi apelo feito por uma mãe, que por uma simples curiosidade desconfiou que sua filha de 9 anos havia sido abusada sexualmente por seu marido, o pai da criança.

No dia 30 de outubro, Francélia do Socorro Pinheiro do Nascimento, de 31 anos, agente comunitária de saúde do município de Bragança, nordeste do Pará, chegou do trabalho e começou a vasculhar o celular de sua filha. O que ela não esperava era encontrar um vídeo no qual o seu marido, David da Silveira Brito, 34, aparecia nu. “Eu ainda perguntei se ele tava doido de estar se filmando”, disse Francélia.

Como considerou o fato muito estranho, Francélia observou mais um vídeo. Dessa vez, David estava deitado, de uma forma que seu rosto não aparecia, e sobre ele pernas semelhantes às de uma criança.

“Quando eu vi isso, perguntei de quem eram as pernas. E ele disse que era a perna do diabo”, relatou Francélia. Desconfiada, ela chamou sua filha perante David e perguntou se aquelas pernas que apareciam no vídeo eram delas. A menina respondeu negativamente.

No mesmo dia, David comunicou Francélia que iria à casa da mãe dele ou para a casa de um amigo. Contudo, a mãe da garota de 9 anos não estava satisfeita com a resposta de sua filha. Quando David se retirou da casa, ela tentou arrancar alguma informação da menina.

Assim, a filha de Francélia revelou que foi ela quem havia filmado seu pai nu, além de confirmar que eram suas as pernas que apareciam no vídeo gravado em seu celular. Além disso, a menina de 9 anos afirmou que David filmava o órgão genital dela.

Diante dessa revelação, Francélia procurou seus familiares e conduziu sua filha para ser submetida a um exame ginecológico. Depois, o fato foi registrado na Delegacia de Bragança. A Polícia Civil ainda deslocou-se até a casa da mãe e do amigo de David, mas ele não foi encontrado nos locais.

Nos dias seguintes, a criança passou por um exame de conjunção carnal realizado na unidade do Centro de Perícias Científicas Renato Chaves em Bragança. O resultado deverá ser divulgado na próxima semana. Ela também foi ouvida no Conselho Tutelar, onde revelou que era abusada há quase dois anos. Em um dos momentos do depoimento, a menina proferiu a seguinte frase: “Eu quero que meu pai seja preso, para nenhuma criança sofrer o que eu sofri”.

Francélia comentou ainda que David sempre demonstrou bastante ciúme pela filha. “Ele sempre ficava irritado quando retornava da rua com ela, pois dizia que os homens olhavam muito para ela”. A mãe da menina informou que este ano o desempenho dela na escola havia decaído muito, mas nunca imaginou que poderia ser por conta dos abusos.

DESESPERO

Abalada com esse episódio, no último dia 1º de novembro, a mãe da menina tentou se suicidar ao ingerir metade de um frasco de veneno para ratos. Antes disso, ela escreveu uma carta para os familiares, na qual pedia perdão a todos e dizia não suportar a dor que sentia naquele momento. Contudo, o sentimento de culpa passou e ela quer a prisão do acusado, que continua desaparecido.

181

Quem dispuser de informações sobre o paradeiro de David da Silveira Brito ligue para o Disque-Denúncia (181) ou para a Delegacia de Bragança: (91) 3425-1190. (Diário do Pará)

FONTE:www.diariodopara.com.br


http://3.bp.blogspot.com/_nAz-ijA7eUY/R-7z7bHpw8I/AAAAAAAAAFw/msf-aMnhk90/s320/ILUSTRACAO+ABUSO.jpg

Nenhum comentário:

Postar um comentário

FAÇA UMA PERGUNTA AO ACS ROBERTO!

MATERIAS DO BLOG DO ACS ROBERTO