SEJA UM SEQUIDOR DO BLOG DO ACS ROBERTO

quarta-feira, 29 de janeiro de 2014

Sem novidades é nem perspectivas para a votação do piso nacional para os agentes comunitários de saúde em 2014.

 
A CONACS – Confederação Nacional dos Agentes Comunitários de Saúde, fez uma convocatória  solicitando que todas as suas Federações e entidade sindicais filiadas,  participem da  "CAPACITAÇÃO DE LIDERANÇAS EM CONFECÇÃO E IMPLANTAÇÃO DO PCCR DOS ACS E ACE e se realizará no auditório do Hotel CNTI - Luziânia, localizado na BR 040 KM 9,5 - Posto Ypê,  Setor de Chácaras Marajoara, s/n Fazenda Taveira,Município de Luziânia - GO, nos dias 17, 18, 19 e 20 de março de 2014..






                    "Quem vai?? Os mesmo que  vão sempre! Afinal de contas para esses que sempre vão é muito gratificante irem em todos os sentidos, principalmente financeiramente"


É quem vai pagar a conta???????

domingo, 26 de janeiro de 2014

A Diretoria Nacional da CONACS perdeu o foco! Mergulhada em fracassos a Confederação Nacional dos Agentes Comunitários de Saúde (Conacs) presidida por Ruth Brilhante e pela a assessora jurídica da entidade Elane.



 
A hora da verdade! A Diretoria Nacional da CONACS perdeu o foco, depois da burrada de apoia a retirada da PL da Pauta de VOTAÇÃO dificilmente Projeto de Lei 7495/06 entrará na Câmara dos Deputados para ser votado em 2014 .

A hora da verdade! Mergulhada em fracassos a Confederação Nacional dos Agentes Comunitários de Saúde (Conacs) presidida por Ruth Brilhante e pela a assessora jurídica da entidade Elane, realiza a 1ª reunião do ano de 2014 junto com sua  diretoria Nacional .

Sem perspectivas que a regulamentação do piso nacional dos agentes comunitários de saúde aconteça em 2014 ,as deliberações não avançaram, dificilmente Projeto de Lei 7495/06 entrará na Câmara dos Deputados para ser votado em 2014 .



A Diretoria Nacional da CONACS perdeu o foco, depois da burrada de apoia a retirada da PL da Pauta de votação que iria regulamentar Piso Salarial Nacional do acs/ace em 2013.
 

sábado, 25 de janeiro de 2014

Apesar da falta de consenso, a votação do piso nacional para os agentes comunitários de saúde (Projeto de Lei 7495/06) é uma das prioridades da Câmara dos Deputados para 2014

 
24/01/2014 - 16h06

Ainda sem consenso, piso de agentes de saúde pode ser votado em 2014

TV Câmara
VT PERSPECTIVA AGENTES DE SAÚDE
Agentes de saúde reinvidicam votação de piso salarial em manifestação na Câmara, em 2013.
 
Apesar da falta de consenso, a votação do piso nacional para os agentes comunitários de saúde (Projeto de Lei 7495/06) é uma das prioridades da Câmara dos Deputados para 2014. O assunto poderá voltar à pauta do Plenário em março, segundo previsão feita no ano passado pelo presidente da Casa, Henrique Eduardo Alves.

Hoje, a categoria recebe uma parte dos R$ 950 repassados aos municípios pelo governo federal. Um texto aprovado pela comissão especial que analisou o projeto prevê um aumento progressivo do piso, até chegar a dois salários mínimos em 2015.

A agente comunitária de saúde Ruth Brilhante de Souza afirma que, em alguns municípios, o valor repassado ao agente é inferior a um salário mínimo. "Não temos definição do salário do agente comunitário de saúde. Cada município paga o que define. Se o governo manda R$ 950, o município faz sua parte burocrática e define o que vai para os agentes comunitários de saúde, o que, às vezes, não chega a um salário mínimo."

Impasse
 
No último mês de outubro, um embate sobre o piso dos agentes de saúde durou cerca de quatro horas no Plenário, e a proposta não foi votada. O governo queria adiar a votação do projeto e tentar elaborar um texto de consenso, mas alguns partidos da base e da oposição insistiam em votar o projeto.

A presidente da República, Dilma Rousseff, se diz preocupada com o aumento do piso, que, segundo ela, está em desacordo com o que o governo pode custear. O líder do governo na Câmara, deputado Arlindo Chinaglia (PT-SP), já chegou a declarar que o projeto será vetado pela presidente caso seja aprovado como está, ou seja, dois salários mínimos até o ano que vem.

Tentativa de acordo

Para o líder do PT, deputado José Guimarães (CE), ainda há chance de se chegar a um valor que preserve os interesses tanto do governo quanto da categoria. “Nós precisamos dialogar com eles que também fazem a saúde pública no Brasil. Não pode fazer de conta que o problema não existe. Ele existe, é real e nós temos que buscar uma solução.”

Em reunião no início de dezembro com a ministra-chefe da Casa Civil, Gleisi Hoffmann, o presidente da Câmara, Henrique Eduardo Alves, negociou o adiamento da votação do piso nacional dos agentes de saúde para 2014, caso o governo retirasse a urgência de projetos que trancavam a pauta do Plenário. Segundo Alves, já há acordo para votação da proposta no próximo mês de março.

Atualmente, o País conta com mais de 300 mil agentes comunitários de saúde. Eles são responsáveis pela visita mensal a 65% dos domicílios, o equivalente a 125 milhões de habitantes. Entre as ações desses profissionais estão o acompanhamento de gestantes, o incentivo ao aleitamento materno, o controle de doenças como infecção respiratória aguda e a promoção das ações de saneamento e melhoria do meio ambiente.

Íntegra da proposta:

Da Reportagem – PT
Com informações da Rádio Câmara

A reprodução das notícias é autorizada desde que contenha a assinatura 'Agência Câmara Notícias'

quinta-feira, 23 de janeiro de 2014

Os blogueiros desempenham um papel fundamental para a consolidação das informações para nossa categoria! Não fazemos críticas infundadas, estamos na mesma luta e com os mesmos objetivos! Mais não pudemos ficar alienados a uma diretoria ditatorial,

Os sucessivos erros da CONACS colocaram em chegue a sua credibilidade é isso é fato! É não sou eu apenas, que estou falando isso, recebo milhares emails de ACS /ACE de todo o BRASIL, indignados com a falta de informações tanto da conacs e de seus diretores.
A CONACS errou mais uma vez em não colocar em seu site a convocatória de reunião de diretoria realizada na Bahia em 2014. Precisamos de informações concretas não pudemos ficar reféns somente de informações dos diretores e presidentes de associações, pós em sua grande maioria manipula as informações.

Não fazemos críticas infundadas, estamos na mesma luta e com os mesmos objetivos! Mais não pudemos ficar alienados a uma diretoria ditatorial, precisamos corrigir os erros cometidos é avançar para vitória!É essa vitória não será de uma minoria será de todos nós por que cada um de nós contribuiu de alguma formar com a nossa vitória futura.

Os blogueiros desempenham um papel fundamental para a consolidação das informações para nossa categoria, sem mascaras e sem medo de falar a verdade!Contamos o respeito da grande maioria dos acs/ace do Brasil é isso ninguém pode nós tira.

quarta-feira, 22 de janeiro de 2014

CONACS Desacreditada por boa parte dos acs/ace do Brasil realiza a 1ª reunião do ano de 2014 com a sua diretoria e tentam de todas as formas reverte a situação caótica que se encontra! Após erro de apoiar a retirada da PL da Pauta de votação que iria regulamentar Piso Salarial Nacional


A Diretoria Nacional da CONACS realiza a 1ª reunião do ano de 2014 Desacreditada por boa parte dos acs/ace do Brasil, a Confederação Nacional dos Agentes de Saúde e sua diretoria tentam de todas as formas reverte a situação caótica que se encontra! Após erro de apoiar a retirada da PL da Pauta de votação que iria regulamentar Piso Salarial Nacional do acs/ace
CONACS=Confederação Nacional dos Agentes de Saúde realiza  a  1ª reunião do ano de 2014 com a sua diretoria  para deliberar as propostas de trabalho para esse ano 2014 que pretende garantir definitivamente a regulamentação e execução do Piso Salarial Nacional da categoria.

Desacreditada por boa parte dos acs/ace do Brasil, a Confederação Nacional dos Agentes de Saúde e sua diretoria tentam de todas as formas reverte a situação caótica que se encontra! Após erro de apoiar a retirada  da PL da Pauta de votação que iria regulamentar Piso Salarial Nacional do acs/ace.

A Diretoria Nacional da CONACS,reunidos na Bahia na cidade Madre de Deus- ,deliberam ações e metas para 2014 a CONACS estará realizando no mês de março de 2014 em Brasília sua Assembleia Nacional Anual, juntamente com o 3º FNC –Fórum Nacional da CONACS, que propõe entre outras coisas, dar um curso de  48h de capacitação sobre o tema “Plano de Carreira, Cargos e Salários”. 

A Confederação Nacional dos Agentes de Saúde a cada dia agoniza em sua arrogância, alguns de seus diretores fazem de Brasília um verdadeiro passeio turístico, com direto a hotel e outras mordomias paga pelos acs/ace do Brasil.





fonte ACS ROBERTO

segunda-feira, 20 de janeiro de 2014

Os agentes comunitários de saúde e agentes de endemias estão cansados dos prefeitos desviar e roubar o nosso incentivo enviado pelo ministério da saúde.



 
Os agentes comunitários de saúde e agentes de endemias deseja que em 2014 seja aprovado o piso nacional, a garantia desse piso ira impedir que os prefeitos venha desviar e roubar o nosso incentivo enviado pelo ministério da saúde. 


Agentes comunitários de saúde e agentes de endemias querem a todo custo que em 2014 seja aprovado o piso nacional as principais reivindicações da categoria é a garantia desse piso, estamos cansado dos prefeitos desviar e roubar o nosso incentivo enviado pelo ministério da saúde.


 
Para virar realidade o piso dos agentes comunitário de saúde e agentes de endemias a presidente Dilma Rousseff precisa se comprometer e enviar a proposta do valor do piso, os acs/ace querem que o piso seja de 2 salários mínimos(1.448,00). A presidente Dilma Rousseff em 2013 fez os deputados assinarem o Pacto de Responsabilidade Fiscal impedindo que o projeto de lei que cria o piso nacional para os agentes comunitários de saúde não fosse votado.

fonte acs Roberto

sábado, 18 de janeiro de 2014

Os escândalos que envolveram o piso salarial nacional dos agentes comunitário de saúde tirarão o brilho da Confederação Nacional dos Agentes Comunitários de Saúde, é colocarão em cheque a credibilidade de suas lideres?? Os agentes comunitário de saúde é agentes de endemias querem um piso de 2 salários mínimos 1.448,00 reais.

 
Os agentes comunitário de saúde é agentes de endemias querem um piso  de  2 salários mínimos 1.448,00 reais mais a conacs errou é Retirou o PL da Pauta de votação agora será muito difícil convencer o Retorno do PL 7495/2006 entra na Pauta de Votação em 2014

Os últimos é recentes escândalos  que envolveram o piso salarial nacional dos agentes comunitário de saúde é agentes de endemias em 2013, e agora também em 2014, tirarão o brilho da CONACS – Confederação Nacional dos Agentes Comunitários de Saúde, é colocarão em cheque a credibilidade de suas lideres no que se refere ao poder de articulação em Brasília é o convencimento na aprovação e regulamentação do piso dos acs/ace.

Existe uma pequena possibilidade que o piso salarial dos agentes comunitários de saúde seja votado em março de 2014 os agentes comunitário de saúde é agentes de endemias querem um piso  de  2 salários mínimos 1.448,00 reais o projeto de lei que estabelece o piso da categoria tramita desde 2006 na Câmara federal e chegou a ser incluído na pauta de votação no fim do ano passado 2013.Porém  a conacs Retirou o PL da Pauta de votação, segundo informações  de algumas lideranças de sindicatos  essa decisão foi errada, a conacs errou ,agora será muito difícil convencer o Retorno do PL 7495/2006 entra na Pauta de Votação em 2014.
 

quarta-feira, 15 de janeiro de 2014

A Máscara Caiu Deste o inícios os deputados e a CONACS sabiam que o piso não iria ser votado em 2013 e tão pouco também será votado em 2014.

 
A Máscara Caiu Líderes no Congresso federal são contra a regulamentação do piso salarial nacional dos agentes de saúde!Deste o inícios os deputados e a CONACS sabiam que o piso não iria ser votado em 2013 e tão pouco também será votado em 2014.


De acordo com segmentos da esfera do governo federal ,os líderes dos principais partidos na Câmara e no Senado, aliados da presidente Dilma Rousseff sabia que deste o principio  o piso não seria votado, há ideia da  presidente Dilma Rousseff era nortear a elaboração de uma falsa articulação do governo e da conacs, com o consenso de ambas as partes, é empurra a regulamentação do  piso até o termino das eleições de 2014.

Porem a uma pequena possibilidade do piso ser votado em 2014 o presidente Henrique Alves (PMDB/RN)disse que colocará na pauta do Congresso o piso dos acs/ace, na Câmara com apoio ou não do governo.

 
Os prefeitos de todo o Brasil já se organizam para o confronto contra o piso salarial dos acs/ace a CNM - Confederação Nacional de Municípios em nota disse:‘O governo criou  programa dos agentes comunitário de saúde e dos agentes de endemias e jogou nas costas dos prefeitos se for aprovado O piso do agente de saúde pode passar para R$ 1.500.

As prefeituras não terão como pagar.CNM - Confederação Nacional de Municípios afirmar Não temos uma receita para solucionar o problema. Buscamos orientar o melhor caminho para o governo a não aprovação do piso salarial dos agentes de saúde.

FONTE ACS ROBERTO

terça-feira, 14 de janeiro de 2014

A presidenta Dilma Rousseff já esta articulando com seus ministros e aliados, uma formar de impedir a votação do piso agora em março de 2014.


A presidenta Dilma Rousseff manipulou o congresso federal e impediu a regulamentação do piso salarial nacional dos agentes de saúde!
 TV CÂMARA

Os Agentes Comunitários de Saúde foram mais uma vez ignorados pelo Governo Federal,  massacrado pela poderosa presidenta Dilma que de formar clara tem se colocado contra a classe trabalhadora dos ACS/ACE. 

 
A presidenta Dilma Rousseff manipulou o congresso federal em 2013 e impediu a regulamentação do piso salarial nacional dos agentes de saúde. 2014 não será diferente, fontes confiáveis afirmar que a presidenta Dilma Rousseff já esta articulando com seus ministros e aliados, uma formar de impedir a votação do piso agora em março de 2014.

Uma das armas a ser usada pela  presidenta Dilma Rousseff  será o Pacto de Responsabilidade Fiscal a mesma que impediu a regulamentação do piso em 2013.Segundo informações extras oficias a presidenta Dilma Rousseff irá convocar uma reunião com os líderes de partidos aliados já na primeira semana de fevereiro de 2014 tendo como principal foco, o piso salarial dos ACS/ACE.

Fonte: ACS ROBERTO 

MATERIAS DO BLOG DO ACS ROBERTO