SEJA UM SEQUIDOR DO BLOG DO ACS ROBERTO

terça-feira, 31 de maio de 2011

O novo deputado federal Josias Gomes, do PT da Bahia na luta pela regulamentação da Emenda Constitucional 63. dos agentes comunitario de saúde!



Josias Gomes recebe agentes de saúde e compromete-se com regulamentação da Emenda Constitucional 63

O deputado federal Josias Gomes, do PT da Bahia, recebeu nesta quarta-feira, em seu gabinete, um grupo de agentes de saúde baianos ligados à Associação Baiana Local dos Profissionais de Vigilância da Saúde.


Eles vieram garantir junto ao parlamentar apoio para a luta que desenvolvem, em nível nacional, pelo estabelecimento do piso nacional para o segmento, que se traduz na regulamentação da Emenda Constitucional 63.


fonte: acs Roberto

O desabafo de um agente de saúde Odair desabafou e demonstrou total desaprovação a atitude do prefeito municipal



Hoje pela manhã aconteceu no centro pastoral Silvana Pontes mais uma reunião mensal dos agentes comunitários de saúde do município de Santa Cruz.

O agente de saúde Odair desabafou e demonstrou total desaprovação a atitude do prefeito municipal que até o momento não resolveu a questão da insalubridade dos agentes de saúde aprovados no último concurso público.


"Já faz um ano que estamos esperando que o prefeito pague nossa insalubridade através da prefeitura e até agora nada. Isso é uma falta de vergonha, externou Odair"!


Durante a reunião Paulo César também chegou a questionar essa atitude indiferente do prefeito local. Lembrou que vários agentes de saúde estão aguardando uma posição da prefeitura no que diz respeito a alguns direitos que os mesmos têm a receber, mas sem nenhuma resposta da prefeitura até o momento.


Paulo César ainda lembrou que o prefeito precisa ouvir a população ao invés de alguns bajuladores que estão ao seu lado. No final da reunião foram entregues duas camisetas para cada agente de saúde

fonte:http://santacruzdotrairi.blogspot.com

Agentes de saúde reclamam de rescisão do Gálatas com cheque sem fundos



Os agentes de saúde que foram convocados a se apresentar ao Instituto Gálatas, de Londrina, que está sob intervenção do município e sendo investigado pelo Ministério Público de desvio de recursos da saúde, estão reclamando que a rescisão de contrato está sendo feita com cheques sem fundo. A afirmação é da delegada regional do Sindicato dos Agentes de Saúde do Paraná, Márcia KitanoEla afirmou que, com o final do contrato da oscip com o município de Londrina, está havendo a rescisão de contratos. No entanto, ao tentar receber no banco, são comunicados que não há saldo. "Recebemos pelo menos cinco reclamações hoje. O problema é o constrangimento que as pessoas estão passando neste momento. Estamos verificando com o departamento jurídico do Sindicato e procurando a prefeitura para ver o que será feito a respeito", comentou.

De acordo com Márcia Kitano, o sindicato não tem ainda quantas pessoas estão nesta situação, mas orienta as pessoas que se encontrarem nesta situação que aguardem orientação da entidade. "Pedimos um pouco mais de paciência dos agentes, e vamos comunicar a todos qual a postura que deverão tomar agora nos próximos dias", salientou.

Ela também afirmou que ainda não há informações se os agentes de saúde do Instituto Atlântico estariam enfrentando os mesmos problemas.

Desde o dia 10 de maio o Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) está investigando os institutos Atlântico e Gálatas, de Londrina, de desvio de recursos públicos e de corrupção de agentes públicos. Mais de 20 pessoas foram presas, desde então. Os presidentes e diretores das duas oscips foram presos durante as investigações.

Nesta semana o juiz da 4ª Vara Cível de Londrina, Mário Azzolini, nomeou um interventor para gerenciar parcialmente as contas dos institutos Gálatas e Atlântico. Trata-se do perito contador Sérgio Miranda.

O pedido havia sido feito no último dia 12, pelo procurador-geral do município, Paulo Tieni, como uma das medidas anunciadas pela Secretaria Municipal da Saúde para não interromper os serviços, após o escândalo deflagrado pela Operação Antissepsia do Ministério Público.

A secretária municipal de Saúde, Ana Olympia Dornellas, afirmou nesta quinta-feira que a intervenção é a decisão mais sensata para garantir que os direitos dos quase 800 funcionários dos institutos sejam garantidos.

A reportagem de odiario.com procurou a secretária municipal de Saúde, Ana Olympia Dornellas e o interventor das oscipas, Sérgio Miranda, mas não atenderam às ligações telefônicas.







fonte:http://londrina.odiario.com

Agente Comunitário de Saúde de Inhambupe reuniu profissionais de Olindina, Crisópolis e Rio Real.






Publicada em 30/05/2011 ás 17:43hs

Encontro foi uma forma que a prefeitura encontrou para valorizar e ressaltar o trabalho feito pelos Agentes

Para comemorar o Dia Municipal do Agente Comunitário de Saúde, na sexta-feira (27), a Secretaria Municipal da Saúde de Inhambupe reuniu profissionais de Olindina, Crisópolis e Rio Real. Este encontro foi uma forma de valorizar e ressaltar o trabalho feito pelos Agentes, que, com suas visitas diárias às residências em todas as regiões da cidade, orientam os moradores dos serviços oferecidos pela rede pública de saúde dando mais visibilidade aos trabalhos preventivos disponíveis.

A fim de prestigiá-los, o mandato do deputado Zé Neto (PT), que há mais de duas décadas milita pelos Agentes de Saúde, esteve engajado nas atividades de integração.

Além das assessoria jurídica e institucional do Mandato da Luta, também participaram do evento a secretária Municipal de Saúde, Telma Silva; Dona Eunira Rocha, mãe e representante do prefeito da cidade, Euberto Luiz; a chefe de Gabinete da Prefeitura, Margarida Reis; o secretário de Finanças, Denimário Veloso e o vereador Humberto Costa.

segunda-feira, 30 de maio de 2011

Confederação Nacional dos Agentes Comunitários de Saúde e membros da Frente Parlamentar em Defesa dos Agentes Comunitários de Saúde

O SR. RAIMUNDO GOMES DE MATOS (PSDB-CE. Pela ordem. Sem revisão do orador.) - Sr. Presidente, Sras. e Srs. Deputados, inicialmente, queremos parabenizar nosso Presidente Marco Maia pelo desempenho que vem tendo à frente desta Casa, atendendo às reivindicações não só dos partidos, mas também dos segmentos organizados.

Refiro-me à audiência que tivemos, há cerca de 15 dias, com integrantes da Confederação Nacional dos Agentes Comunitários de Saúde e membros da Frente Parlamentar em Defesa dos Agentes Comunitários de Saúde.


Na ocasião, foi solicitado ao Presidente Marco Maia que procedesse à instalação de uma Comissão Especial para que pudéssemos levar adiante toda uma normatização da Emenda Constitucional nº 51 e da Emenda Constitucional nº 63, a fim de que, dentro do sistema de saúde, pudéssemos regular as atividades daqueles que promovem a atenção básica no nosso Estado e no nosso País a partir do sistema PSF.


O Presidente Marco Maia, na data de hoje, baseado no inciso II do art. 34 do Regimento da Casa, oficializou a instalação da Comissão Especial destinada a proferir parecer ao PL nº 7.495, de 2006, como também à regulamentação das Emendas Constitucionais nº 61 e nº 63. É uma vitória para todos nós que fazemos a Frente Parlamentar em Defesa dos Agentes Comunitários de Saúde e dos Agentes de Combate às Endemias



É uma vitória da nossa luta de 2009, quando eu apresentei, com o apoio de vários Parlamentares, emenda constitucional para regulamentar o piso, a profissão e as atividades, as funções desses profissionais.



Na data de hoje, já ficam os partidos com a sua designação oficializada, a fim de, proporcionalmente, estabelecermos rapidamente a instalação dessa Comissão, que será composta por 25 membros. É claro que cada partido tem a sua proporcionalidade. O bloco terá a sua proporcionalidade.



Neste momento, queremos nos congratular com todos que fazem esta Casa, com a Mesa Diretora, como também com todos os profissionais - agentes comunitários de saúde, agentes de combate às endemias.


Estou me deslocando neste momento à Comissão de Seguridade Social, a fim de tentar aprovar um requerimento para a realização de audiência pública naquela Comissão, com a finalidade de ouvir não só a categoria, mas também o Ministério do Planejamento e o Ministério da Saúde, no tocante a essa normatização.
Estão de parabéns todos os agentes comunitários de saúde, todos os agentes de combate às endemias.


A luta não terminou. Muito pelo contrário, ainda precisamos normatizar todo esse ganho, que já é um direito constitucional.


Muito obrigado e parabéns.

A Comissão estabelecerá a regulamentação da Emenda Constitucional nº 63, de 2010 dessa categoria,dos Agentes Comunitários de Saúde .



O SR. RAIMUNDO GOMES DE MATOS (PSDB-CE. Sem revisão do orador.) - Sr. Presidente, nobres Parlamentares, mais uma vez solicitamos à Presidência desta Casa a instalação de Comissão Especial, a fim de que a Emenda Constitucional nº 63, de 2010, seja regulamentada.


Essa emenda, fruto de grande articulação dos agentes comunitários de saúde e dos agentes de combate às endemias, tem por objetivo estabelecer um plano de carreira e um piso nacional a esses profissionais, a fim de que eles possam prestar os seus serviços com maior tranquilidade.


Nós sabemos, quanto à parte de endemias e à parte da saúde preventiva, que a porta de entrada para o sistema é justamente o Programa Saúde da Família - PSF, com os agentes comunitários de saúde e os agentes de combate às endemias.


A Comissão estabelecerá a regulamentação dessa categoria, para que desempenhe suas funções com mais seriedade e tenha acima de tudo o seu plano de carreira.
Eles já têm vários anos de atividade. No Brasil, são 300 mil agentes comunitários de saúde e cerca de 100 mil agentes de combate às endemias, que precisam dessa normatização no SUS.


Nos anos de 2009 e 2010, houve toda aquela mobilização. O ex-Presidente Michel Temer, lado a lado com o Presidente do Senado, José Sarney, promulgarou essa emenda à Constituição. A lei complementar fará a sua regulamentação.


A nossa presença aqui serve justamente para solicitar, junto com a Frente Parlamentar da Saúde e com a Frente Parlamentar em Defesa dos Agentes Comunitários de Saúde e dos Agentes de Combate às Endemias, à Presidência da Casa a instalação dessa Comissão.


Muito obrigado.

Paralisação do Sindacs mobiliza cerca de 1000 agentes



O ato ocorreu nesta terça-feira (24), no pátio da Prefeitura do Recife

Na manhã desta terça-feira (24), o Sindicato dos Agentes Comunitários de Saúde e Combate às Endemias de Pernambuco (Sindacs) realizou uma paralisação no pátio da Prefeitura do Recife. O ato contou com a participação de aproximadamente 1000 agentes, cujo principal objetivo foi reivindicar o reajuste salarial de 12,74% e o aumento do ticket alimentação de R$ 10 para R$ 14.

O motivo da ação teve início no mês de março, quando foi entregue um documento por meio do Fórum dos Servidores Municipais, ao secretário de Administração do Recife, Dácio Rossiter, solicitando alguns pedidos para os servidores. Já no mês de abril, durante a Mesa Municipal de Negociação, o gestor explicou que o pedido não poderia ser executado, devido ao excesso de despesas com a folha de pagamento dos servidores. Dácio ressaltou, ainda, que o aumento comprometeria 46,32% da receita municipal.

Em seu discurso, o diretor de Formação e Prática Sindical do Sindacs, Ednaiptan Silva,destaca que o quantitativo de agentes presentes no ato é motivo de comemoração. “A categoria tem participado efetivamente nas ações junto ao sindicato, o que nos tem fortalecido, na busca por grandes conquistas”, pontuou Ednaiptan, durante a paralisação.

A Prefeitura marcou para a próxima terça-feira (31/5), a partir das 9h, na Câmara dos Vereadores, uma apresentação do Relatório de Gestão Fiscal do quadrimestre 2011. O Sindacs convoca a categoria para participar do encontro e logo após, será realizada uma caminhada até à Prefeitura, onde será aguardado o desfecho da Mesa Municipal de Negociação, que ocorrerá no mesmo dia, às 15h.

fonte:Tiago Brito - Comunicação - SINDACS-PE
Maria Betânia - Diretoria de Imprensa
.

domingo, 29 de maio de 2011

SINDRACS FAZ NEGOCIAÇÃO SALARIAL DOS ACS COM PREFEITO DE SANTANOPOLIS-BA




SINDRACS FAZ NEGOCIAÇÃO SALARIAL DOS ACS COM PREFEITO DE SANTANOPOLIS-BA


O Sindicato Regional dos Agentes Comunitarios de Saúde Centro Leste Bahia(SINDRACS),participou na manhã do dia 26 de maio de 2011,de uma mesa de negociação no gabinete do Prefeito Municipal de Santanopolis-Ba,para negociar o salario dos acs desta cidade.Antes o acs recebiam um salario minimo mais algumas gratificações tais como 20% de insalubridade+salario familia e quinquênio.Apos essa negociação os ACS passaram a receber o valor integral que vem do Ministerio da Saúde através das portarias que hoje equivale a 714,00,alem das gratificações que recebiam antes.


Participou dessa negociação,o Prefeito municipal o Sr Juarez Tavares, controlador do município o Sr.João Alves Pinto , uma comisão formada por 4 acs e o Diretor de comunicação do Sindracs e também presidente da sub s ede nesta cidade o Sr.Renildo Cerqueira de Souza.A negociação foi rapida e pacífica ,uma vez que o gestor se mostrou interresado em resolver de uma vez por todas esta situação.O pagamento desse novo salario já estara disponivel apartir do proximo pagamento dia 10 de junho,que entrará como gratificação,no entatnto o execultivo enviará ainda essa semana uma lei para a camara de vereadores para que seje aprovada e nosso direito seje garantido de forma legal e que nenhum outro gestor no futuro possa retirar.


É o sindicato dos ACS,mostrando seu trabalho em defeza dos direitos de sua categoria.

fonte:SINDRACS-CENTRO LESTE BAHIA

sábado, 28 de maio de 2011

AGENTES COMUNITARIO DE SAÚDE E AGENTE DE ENDEMIAS, RUMO A REGULAMENTAÇÃO DO PISO NACIONAL EM BRÁSILIA!

Bem amigos acs/ace de todo o Brasil como nos todos sabemos estamos na expectativa de mas uma vez sairmos vitorioso neste ano de 2011 com uma possibilidade grande de acontecer a regualmentação do nosso piso salarial,muitas coisas aconteceram umas boas outras ruins, neste quase 3 anos de blog converso que ja presenciei de tudo.

A conacs novamente voltou a tona e esta firmemente lutado em prol da nossa categoria em Brasília na busca incasável pela regulamentação da ec 63. Muitas vezes eu fiz criticas a conacs com relação a falta de informação criticas essa no intuito de melhorar a comunicação entre a entidade e os acs/ace de todo o Brasil.


Agora percebo que a conacs esta de volta fazendo o seu pelo papel! que e de luta pela nossa categoria e sempre nós mantendo informados sobre os próximos passos do nosso piso nacional.

Diferentemente de um acs que teve a coragem de acusar a conacs de censura! e de colocar em duvida o interesse da presidente a senhora Rute Brilhante, no ano passado quando a mesmo lançou -se deputada,




Lamentavelmente esse acs agora vem dano um de bonzinho escondendo a sua cara de pau, que hora fala uma coisa e depois diz outra, a sua arrogância e extremamente visível de ser notada, sem falar da sua língua venenosa que destila o seu veneno difamando colegas por onde passa a onde eu mesmo fui vitimas de suas bicunhias maldosas, o que me confortar e saber que tem pessoas que conhece o nossa trabalho e quando ver essas injustiças nos defendem a esses o meu total respeito.

acs Roberto

Sindacs indignado coordenadora, relatou que é para comprovar que os ACS não fazem NADA,



27/05/2011 O SINDACS/BA, esteve reunido dia 16 de maio de 2011, com a coordenadora da Coaps, para pedirmos explicação sobre uma planilha que foi enviada para os distritos sanitários, segundo a coordenadora, relatou que é para comprovar que os ACS não fazem NADA.

Ela tornou a repetir diante dos coordenadores do Sindacs Lázaro e Evangivaldo (representante legal também do Conselho Municipal de Saúde pelo Sindasc/BA ) e que fez tal rotulação pejorativa em outras palavras sem respeito algum a categoria “bando de vagabundos” disse o coordenador do sindacs/Ba.

Interpretando a forma que ela colocou, dizendo aos coordenadores não só estou dizendo como estou afirmando que não fazem nada!. E indagamos!! Para que existem supervisoras? Não é de obrigação da supervisão averiguar o desempenho dos trabalhadores em suas micro áreas na duvida da lisuria ?Fica aqui a grande pergunta! Quem realmente não esta trabalhando? Os ACS ou a supervisão que não esta funcionando?


FONTE:http://www.sindacsba.org.br/

PISO SALARIAL DOS AGENTES COMUNITARIO DE SAÚDE SERÁ QUE SAI ESTE ANO DE 2011?







Nós dias 08/06/2011 e 09/06/2011 caravanas de agentes comunitário de saúde e agentes de combate ás endemias estarão concentrados em Brasília para uma audiência publica, como o objetivo na regulamentação da ec 63 .

Durante todo essa semana tivemos grandes novidades como a surpresa que a deputada Fátima Bezerra não será mas a relatora da comissão especial, a explicação da deputada Fátima Bezerra e que ela não terá tempo disponível pois estará muito ocupada? sabemos que existe um jogo de interesse dos deputados para ser relator da comissão especial afinal de contas isso trará visibilidade a eles em todo o Brasil.

A conacs esta fazendo grandes articulações para que de fato essa mobilização venha ser um sucesso nos dias 06/06/2011 os seus diretores estarão trabalhando em Brasília para saírem vitoriosos nesta primeira face de luta para a regulamentação do piso nacional dos acs/ace.

Mas existe um ponto a ser analisado um dos principais adversários dos acs/ace pela não regulamentação do piso salarial e CNM - Confederação Nacional de Municípios.

Existe também um ponte de reflexão interno que e dos ace! que e a questão deles não receberem do ministério da saúde um incentivo como os acs recebem aumentado consideravelmente o impacto no orçamento da união e consequentemente dificultando a regulamentação da ec 63.

fonte :acs Roberto

sexta-feira, 27 de maio de 2011

A novidade é que a Deputada Fátima Bezerra não será mais a nossa Relatora.




A Presidente da CONACS em companhia do Deputado goiano Pedro Chaves (PMDB/GO), foi recebida ontem a noite no gabinete do Deputado Benjamim Maranhão (PMDB/PB), e se confirmada a expectativa de ser indicado Presidente da Comissão, reafirmou seu compromisso em ser um presidente atuante e fará o possível para acelerar o processo de votação do Piso Salarial dos Agentes Comunitários de Saúde e Agentes de combate a Endemias.

Além dos Deputados Domingos Dutra (PT/MA) e Benjamim Maranhão (PMDB/PB) deverão ser confirmados como membros da Comissão Especial os mias 24 Deputados:

CONACS em consenso está indicando o Deputado Domingos Dutra (PT/MA) como Relator da Comissão Especial. Também deverá haver mudanças na presidência da Comissão, pois na Legislatura passada, o Deputado Geraldo Resende (PMDB/MS) conduziu a Comissão Especial sendo muito atuante, mas também deverá ser substituído pelo Deputado Benjamim Maranhão (PMDB/PB).

A novidade e a grande surpresa é que a Deputada Fátima Bezerra não será mais a nossa Relatora.


Segundo a Deputada Fátima, o acúmulo de compromissos parlamentares assumidos no início dessa legislatura, como por exemplo a presidência da Comissão Permanente da Educação, a deixou sem tempo para se dedicar como necessário à relatoria do Piso Salarial dos agentes comunitario de saúde.

Câmara cria Comissão Especial para regulamentar PEC dos agentes de saúde

Essa Comissão Especial será formada por 25 parlamentares e deverá, em três meses, apresentar uma lei complementar a ser votada no plenário da Câmara.

Atendendo a um requerimento do deputado federal Raimundo Gomes de Matos (PSDB), o presidente da Câmara, Marco Maia (PT-SP), acaba de criar uma Comissão Especial para regulamentar a Emenda Constitucuonal 63, de autoria do tucano, que assegura aos agentes comunitários de saúde e aos agentes de combate às endemias um piso salarial nacional, um plano de cargos e carreiras e um regime jurídico.

Essa Comissão Especial será formada por 25 parlamentares e deverá, em três meses, apresentar uma lei complementar a ser votada no plenário da Câmara.

Raimundo Gomes conseguiu também aprovar, na Comissão de Seguridade Social, uma audiência pública para o dia 9 de junho, que abordará a questão dos agentes de saúde e de endemias. A audiência deverá ter a presença do ministro da Saúde, Alexandre Padilha, de secretários municipais de Saúde, e da cúpula da Confederação Nacional dos Agentes de Saúde. O ato deverá atrair caravanas de agentes de saúde e de endemias de todo o País.

FONTE:http://www.opovo.com.br

quinta-feira, 26 de maio de 2011

A Presidente da CONACS Ruth Brilhante de Souza A União faz a força!



Olá amigos acs/ace de todo o Brasil veja aqui as declarações da presidente da Conacs Ruth Brilhante de Souza( Confederação Nacional dos Agentes Comunitario de Saúde).

Pergunta
:Quais foram os principais passos durante todo esse mês de maio DE 2011:




Resposta Ruth Brilhante de Souza: Essa semana foi muito produtiva para a categoria, pois finalmente o Presidente Marco Maia assinou o Ato de criação da Comissão Especial, e ainda no dia de ontem fez a leitura em plenário.

Pergunta:
em que isso ajuda evetivamente na regulamentação da ec 63?

Resposta Ruth Brilhante de Souza:Isso possibilitou que a CONACS já iniciasse as articulações para a composição da nova Comissão Especial.

pergunta:
qual e a principal novidade nesta comissão especia dos acs/ace?

Resposta : A novidade é que a Deputada Fátima Bezerra não será mais a nossa Relatora.
Segundo a Deputada Fátima, o acúmulo de compromissos parlamentares assumidos no início dessa legislatura, como por exemplo a presidência da Comissão Permanente da Educação, a deixou sem tempo para se dedicar como necessário à relatoria do Piso Salarial.




Pergunta: e agora o que irá acontecer ja que a deputada fatima não sera más a relatora:


Resposta: A CONACS em consenso está indicando o Deputado Domingos Dutra (PT/MA) como Relator da Comissão Especial. Também deverá haver mudanças na presidência da Comissão, pois na Legislatura passada, o Deputado Geraldo Resende (PMDB/MS) conduziu a Comissão Especial sendo muito atuante, mas também deverá ser substituído pelo Deputado Benjamim Maranhão (PMDB/PB).

Pergunta:
qual e o mairo desafio que os acs/ace irão enfrenta para a regulamentação do nosso piso salarial?


Resposta:O maior desafio da CONACS e dos acs/ace é retomar nesse momento as negociações com o Governo Federal, já que desde o fim do ano passado membros do Governo da Presidenta Dilma vêm afirmando que o primeiro ano será de austeridade e corte no orçamento. Porém, é necessário a retomada das negociações com o Governo Federal sobre o encaminhamento do PL do Executivo fixando o valor do Piso Salarial Nacional para que fianalmente possa ser votado o relatório final da Comissão Especial e concretizada a regulamentação da EC 63"

Pertgunta:
qual e a sua opinião com relação ao encontro que houve em brasilia liderado pela cut/cntss?

Resposta:Ruth Brilhante:Entendemos que já passou o momento de fazermos manifestações aleatórias e com objetivos vagos, o Governo Federal já está ciente do que os ACS e ACE reivindicam, só no ano passado realizamos mais de 5 reuniões oficiais com o Ministro Padilha. Por isso, não vamos começar do zero, queremos nosso Piso Salarial de 2 salários minimos, e o Governo sabe disso, e precisa apresentar sua proposta, que aliás, deveria te sido apresentada desde agosto do ano passado

Isso possibilitou que a CONACS já iniciasse as articulações para a composição da nova Comissão Especial




RESUMO DA SEMANA
26/05/2011



Essa semana foi muito produtiva para a categoria, pois finalmente o Presidente Marco Maia assinou o Ato de criação da Comissão Especial, e ainda no dia de ontem fez a leitura em plenário.




Isso possibilitou que a CONACS já iniciasse as articulações para a composição da nova Comissão Especial. A novidade é que a Deputada Fátima Bezerra não será mais a nossa Relatora.



Segundo a Deputada Fátima, o acúmulo de compromissos parlamentares assumidos no início dessa legislatura, como por exemplo a presidência da Comissão Permanente da Educação, a deixou sem tempo para se dedicar como necessário à relatoria do Piso Salarial.



Por isso, a CONACS em consenso está indicando o Deputado Domingos Dutra (PT/MA) como Relator da Comissão Especial. Também deverá haver mudanças na presidência da Comissão, pois na Legislatura passada, o Deputado Geraldo Resende (PMDB/MS) conduziu a Comissão Especial sendo muito atuante, mas também deverá ser substituído pelo Deputado Benjamim Maranhão (PMDB/PB).
A Presidente da CONACS em companhia do Deputado goiana Pedro Chaves (PMDB/GO), foi recebida ontem a noite no gabinete do Deputado Benjamim Maranhão (PMDB/PB), e se confirmada a expectativa de ser indicado Presidente da Comissão, reafirmou seu compromisso em ser um presidente atuante e fará o possível para acelerar o processo de votação do Piso Salarial dos ACS e ACE.
Além dos Deputados Domingos Dutra (PT/MA) e Benjamim Maranhão (PMDB/PB) deverão ser confirmados como membros da Comissão Especial os seguintes Deputados:




Parlamentar



Partido



Estado



Gabinete



Hugo Napoleão
DEM
PI
414



Efraim Filho
DEM
PB
744



Mendonça Prado
DEM
SE
508



Alice Portugal
PC do B
BA



420
Jô Moraes
PC do B
MG
322



Flávia de Moraes
PDT
GO
738



Felipe Bornier
PHS
RJ
216



Pedro Chaves
PMDB
GO
406



Geraldo Resende
PMDB
MS
905


Marllos Sampaio
PMDB
PI
906



Leandro Vilela
PMDB
GO
309



josé Linhares
PP
CE
860



Roberto Brito
PP
BA
733



Dr. Paulo César
PR
RJ
904



Jorge Pinheiro
PRB
GO
536


Cleber Verde
PRB
MA
710



Ribamar Alves
PSB
MA
729



Valtenir Pereira
PSB
MS
913


Raimundo Gomes de Matos
PSDB
CE
725



João Campos
PSDB
GO
315



Andreia Zito
PSDB
RJ
636
Josias Gomes
PT
BA
642



Fátima Bezerra
PT
RN
326



Domingos Dutra
PT
MA
806



Iracema Portela
PT
PI
924



Luiz Couto
PT
PB
442

o Presidente Marco Maia assinou o Ato de criação da Comissão Especial,CONACS já iniciasse as articulações para a composição da nova Comissão Especial.





Essa semana foi muito produtiva para a categoria, pois finalmente o Presidente Marco Maia assinou o Ato de criação da Comissão Especial, e ainda no dia de ontem fez a leitura em plenário.



Isso possibilitou que a CONACS já iniciasse as articulações para a composição da nova Comissão Especial. A novidade é que a Deputada Fátima Bezerra não será mais a nossa Relatora.



Segundo a Deputada Fátima, o acúmulo de compromissos parlamentares assumidos no início dessa legislatura, como por exemplo a presidência da Comissão Permanente da Educação, a deixou sem tempo para se dedicar como necessário à relatoria do Piso Salarial.




Por isso, a CONACS em consenso está indicando o Deputado Domingos Dutra (PT/MA) como Relator da Comissão Especial. Também deverá haver mudanças na presidência da Comissão, pois na Legislatura passada, o Deputado Geraldo Resende (PMDB/MS) conduziu a Comissão Especial sendo muito atuante, mas também deverá ser substituído pelo Deputado Benjamim Maranhão (PMDB/PB).
A Presidente da CONACS em companhia do Deputado goiana Pedro Chaves (PMDB/GO), foi recebida ontem a noite no gabinete do Deputado Benjamim Maranhão (PMDB/PB), e se confirmada a expectativa de ser indicado Presidente da Comissão, reafirmou seu compromisso em ser um presidente atuante e fará o possível para acelerar o processo de votação do Piso Salarial dos ACS e ACE.
Além dos Deputados Domingos Dutra (PT/MA) e Benjamim Maranhão (PMDB/PB) deverão ser confirmados como membros da Comissão Especial os seguintes Deputados:



Parlamentar Partido Estado Gabinete




Hugo Napoleão DEM PI 414
Efraim Filho DEM PB 744
Mendonça Prado DEM SE 508
Alice Portugal PC do B BA 420
Jô Moraes PC do B MG 322
Flávia de Moraes PDT GO 738
Felipe Bornier PHS RJ 216
Pedro Chaves PMDB GO 406
Geraldo Resende PMDB MS 905
Marllos Sampaio PMDB PI 906
Leandro Vilela PMDB GO 309
José Linhares PP CE 860
Roberto Brito PP BA 733
Dr. Paulo César PR RJ 904
Jorge Pinheiro PRB GO 536
Cleber Verde PRB MA 710
Ribamar Alves PSB MA 729
Valtenir Pereira PSB MS 913
Raimundo Gomes de Matos PSDB CE 725
João Campos PSDB GO 315
Andreia Zito PSDB RJ 636
Josias Gomes PT BA 642
Fátima Bezerra PT RN 326
Domingos Dutra PT MA 806
Iracema Portela PT PI 924
Luiz Couto PT PB 442




FONTE: CONACS

E O PRESIDENTE FEZ USO DA PALAVRA E TEVE A CORAGEM DE AFIRMAR EM BOM TOM PARA TODOS OUVIREM!



A que ponto pode chegar um sindicato pelego...
As últimas atitudes desrespeitosa do Presidente do sindicato foram:


1 – no mês de abril passado negociou com o prefeito um reajuste de
6,5% para os professores sem convocar assembléia para os professores
decidirem. Pois os mesmos pleiteavam um reajuste de 16% . quando
ficaram sabendo, o projeto já estava em votação na Câmara. Com o aval
do sindicato.


2 – em dezembro de 2010 o prefeito tentou tirar a progressão dos
servidores do administrativo, com uma suposta criação do plano de
carreira do servidor. Mas não passava de uma reformulação da
progressão do plano de cargos e vencimentos. E só não conseguiu porque
nós servidores nos organizamos e fomos para câmara acompanhar o
desfeche. E O PRESIDENTE FEZ USO DA PALAVRA E TEVE A CORAGEM DE
AFIRMAR EM BOM TOM PARA TODOS OUVIREM, QUE ERA UM PLANO EXCELENTE, UM
AVANÇO PARA OS SERVIDORES.


Segue anexo informativo e assinaturas dos servidores
demonstrando sua insatisfação com a referida direção do sindicato.
Devido esse movimento que fizemos, 3 servidores ao irem entregar o
informativo da assembléia no sindicato, foram ameaçados de morte.
“Professor José Américo, Régis e Jules”. E ainda, junto com outros
servidores, foram expulsos do quadro de filiado sem direito de defesa.


Por isso venho por meio deste, pedir o apoio da CUT – GO
para defender os interesses dos servidores Municipais de Novo Gama.
Haja vista que o nosso defensor, o SINDSERPM, através de sua
diretoria, não cumpre com seu dever que é nos defender. Pois a 7 anos.
Ou seja, Desde que esta diretoria assumiu a entidade os servidores
estam a mercê dos prefeitos. Os quais não têm o menor interesse de
pagar um salário digno para nós servidores.


O Presidente, na pessoa do senhor Luis Lino, age de má fé
para com as centrais sindicais. Como por exemplo, a CUT – DF. Ele
apresenta várias conquistas para os servidores. Dizendo ser o
responsável pela as mesmas. Mas tudo não passa de usurpação. Pois a
verdade é que ele é um sindicalista patronista.


Através de alguns exemplos resumidos, abaixo
citados, vossa senhoria poderá compreender melhor a situação que os
servidores do Novo Gama estão passando.


1º - ele apresenta que conseguiu nos 7
anos, 38% de reajuste para nós. Mas a 7 anos atrás recebíamos um
salário mínimo federal como salário inicial, desde janeiro recebemos
um pouquinho a mais porque nós fomos a luta. Portanto a explicação
para os 38% vem da seguinte maneira. Sempre que se aproximava o
reajuste do mínimo federal, ele se reunia com o prefeito e divulgava
que tinha conseguido valor (X) em porcentagem de reajuste. Percentual
este que mais uma vez o salário alcançaria somente o mínimo federal. E
assim já se passaram todos esses anos e o nosso sindicato continua
parado.


2º - os servidores do Novo Gama têm uma
tabela de progressão de 3% a cada ano, conquistada pela diretoria
anterior. Mas o senhor Lino, mais uma vez age com falta de ética.
Demonstra para as centrais sindicais que foi ele que conquistou essa
progressão. Tudo isso para se passar de bom moço.


3º - a categoria dos professores,
percebendo que o citado presidente não faria nada para melhorar a
situação deles, resolveram há alguns anos se organizar para defender
seus direitos e interesses. E começaram a fazer paralisações, mesmo
com o senhor Luis Lino tentando desestimular o movimento. E então
conseguiam ir para mesa de negociação com o secretário de educação.
Mas o referido secretário alegava que só podia atender as negociações
com a presença do sindicato. Só então ele entrava na causa.
Demonstrando a todo tempo que não queria bater de frente com o poder
executivo municipal.


Os garis também tentaram fazer o mesmo que os professores. E
conseguiram algumas vantagens. Mas logo foram sufocados pelo poder
executivo. Pois o SINDSERPM não deu suporte às lutas da categoria.


4º - as outras categorias (merendeiras,
limpeza, vigilante, motorista e etc.), na época não se organizaram
como os professores, e se encontram numa situação desastrosa. Por
centenas de vezes pedimos ao presidente para mobilizar as categorias.
E nada foi feito. Só então, no início do ano de 2010, resolvemos lutar
pelo os nossos interesses. Pedimos por escrito o apoio do sindicato
para realizarmos um ato em defesa dos interesses dos servidores. Ato
esse denominado Ato da Misericórdia. Além de não apoiar, ainda emitiu
uma declaração para o prefeito dizendo que: não tinha nada a ver com o
movimento. “Devido esse movimento, o prefeito está tentando nos
intimidar. Pois entrou com uma representação criminal e danos morais
contra nós servidores que assinamos os informativos. Alegando que sua
imagem foi denegrida. Pois divulgamos através do Jornal Fala Brasil da
Record. Que no mês de fevereiro de 2010 ele recebeu R$ 1.200.00 de
reajuste e nós servidores recebemos R$ 1,50. nosso salário base passou
de $ 510,00 para R$ 511,50. e ainda transferiu 2 servidores dos três
que assinaram o mencionado informativo. Sendo que um deles foi
transferido do centro da cidade para o posto de serviço mais distante
da sede. O outro que trabalhava a 8 anos no mesmo local, foi ser
ferista. Ou seja, todo mês está em um posto diferente. Isso ocorreu um
dia depois do ato acima citado. Bem sabemos que não temos posto fixo,
mas ser transferido por perseguição, é um atraso para democracia do
nosso país. Merece ressaltar que somos interior de Goiás. Mas estamos
praticamente dentro da CAPITAL FEDERAL.


5º - alguns meses depois de assumir a
presidência, ele realizou uma assembléia em cima da hora, não
participou nenhum servidor. A não ser a diretoria. E aproveitou para
modificar o estatuto da entidade: o qual retirou os direitos dos
servidores. Chegando ao ponto de ficar impossível participar do pleito
eleitoral. Isso se existisse eleição. Como mostra as informações a
seguir:


a) – ASSEMBLÉIA GERAL – ele retirou o direito dos associados
convocarem assembléia;


b) – retirou a obrigatoriedade de divulgar as assembléias nos
locais de trabalho. Sendo necessário divulgar apenas na sede e em
jornal de grande circulação. Que sempre é feito em jornal de Goiânia
que temos pouco acesso;


c) – criou a obrigatoriedade de o associado participar de 50% mais
uma das assembléias para poder participar do processo eleitoral com
chapa concorrente. Como vamos alcançar essa meta se não temos a chance
de participar das assembléias?


Já se passaram 7 anos sem que os servidores possam participar
de assembléias. Pois sempre é realizado de forma que os servidores não
possam ter conhecimento da mesma. Pois ele sabe que devido a raiva que
os servidores tem dele, se convocar uma assembléia, os mesmos pedem o
seu afastamento da entidade.


Em se tratando de eleições, nós servidores não sabemos a 7
anos o que isso significa. Pois ele marca a eleição para uma
determinada data e quando falta 2 ou 3 meses antes, ele realiza uma
assembléia daquele tipo, e se reelege. Apenas com o voto da diretoria.


6º - FINANÇAS – como vossa senhoria sabe,
já são 7 anos que essa diretoria está no poder e não conseguiu nada
para nós servidores, inclusive em se tratando de patrimônio. Pois o
que temos é: UMA SEDE COM OS MÓVEIS E UM CARRO. Isso deixado pela
diretoria anterior. Fica a pergunta. ONDE ESTÁ AS MENSALIDADES E O
IMPOSTO SINDICAL DE 7 ANOS? Pois não foi gasto com movimentos para
mobilização da categoria e nem adquirido bens para entidade.


a) – nenhum servidor tem o direito de
pedir a prestação de conta da entidade. Pois se assim fizer,
imediatamente ele reúne a diretoria e expulsa o servidor do quadro de
associado.


De tanto serem perseguidos pelo poder executivo municipal, e
não obterem apoio da entidade sindical, hoje os servidores tem pavor
só em falar de fazer reivindicações. Pois sabem que as perseguições
viram e nada será feito por quem tem o dever de defendê-los. “Luis
Lino”.


OBSERVAÇÃO: no 1º ano de seu mandato, os vigilantes tiveram alguns
benefícios. Isso a 7 anos atrás!


PEÇO ENCARECIDAMENTE QUE CONFIRME ESSAS INFORMAÇÕES JUNTO AOS
SERVIDORES DO NOVO GAMA, COLOCANDO PESSOAS DE SUA CONFIAÇA PARA IR EM
TODOS OS LOCAIS DE TRABALHO. COLHENDO INFORMAÇÕES SOBRE A REFERIDA
DIRETORIA DO SINDSERPM-NG, REPRESENTADA PELO SENHOR LUIS LINO. SE
TIVER MENOS DE 95% DE REGEIÇÃO, PODE DESCONSIDERAR ESSE PEDIDO.


OBS: no dia 7 passado aconteceu mais um acidente com servidor
municipal. " um gari caiu de cima da carga de lixo e o caminhão passou
por cima do mesmo o qual veio a óbito".


esse é só mais um caso entre muitos já ocorridos tanto com os garis
como com os vigilantes. o pior é que esse bendito presidente do
sindicato não faz sequer um oficio para o prefeito pedindo mais
segurança para os servidores. quanto mais fazer um ato público em
defesa dos funcionários.


e pode piorar cada vez mais, se as centrais sindicais como a
CUT DF. continuarem dandfo apoio a uma pessoa desse tipo.


Sem mais para o momento, reitero meus protestos da mais alta
estima e consideração.




Novo Gama, 10 de maio de 2011.


Obs: Este espaço vai ficar aberto para que os representantes do SINDSERPM-NG se pronuncie, com direito de resposta.

A novidade é que a Deputada Fátima Bezerra não será mais a nossa Relatora.














Novas mudanças surgiram no cenario dos agentes comunitario de saúde e agentes de combate ás endemias. Mudanças essas bastante importantes vamos conferi amigos acs/ace de todo o Brasil.

Como nós sabemos ontem foi feita o ato da criação da comissição especial dos acs/ace: veja o ato.


O Presidente Marco Maia assinou o Ato de criação da Comissão Especial, e ainda no dia de ontem fez a leitura em plenário.


ATO DA PRESIDÊNCIA

Nos termos do inciso II do art. 34 do Regimento Interno,
esta Presidência decide criar Comissão Especial destinada a
proferir parecer ao Projeto de Lei nº 7.495, de 2006, do Senado
Federal, que "regulamenta os §§ 4º e 5º do art. 198 da
Constituição, dispõe sobre o aproveitamento de pessoal amparado
pelo parágrafo único do art. 2º da Emenda Constitucional nº 51, de
14 de fevereiro de 2006, e dá outras providências" (cria 5.365
empregos públicos de Agente de Combate às Endemias, no âmbito
do Quadro Suplementar de Combate às Endemias da FUNASA).

A Comissão será composta de 25 (vinte e cinco)
membros titulares e de igual número de suplentes, mais um titular e
um suplente, atendendo ao rodízio entre as bancadas não
contempladas, designados de acordo com os §§ 1º e 2º do art. 33
do Regimento Interno.

Brasília, 25 de maio de 2011.
MARCO MAIA
Presidente da Câmara dos Deputados
.

AGORA VEJA AS PRINCIPAIS MUDANÇAS:


A novidade é que a Deputada Fátima Bezerra não será mais a nossa Relatora.
Segundo a Deputada Fátima, o acúmulo de compromissos parlamentares assumidos no início dessa legislatura, como por exemplo a presidência da Comissão Permanente da Educação, a deixou sem tempo para se dedicar como necessário à relatoria do Piso Salarial.Agora eu acs Roberto pergunto por que será?

Também deverá haver mudanças na presidência da Comissão, pois na Legislatura passada, o Deputado Geraldo Resende (PMDB/MS) conduziu a Comissão Especial sendo muito atuante, mas também deverá ser substituído pelo Deputado Benjamim Maranhão (PMDB/PB).

Como podemos observa houve grandes mudanças isso e bom ou ruim?que pode me responde eu acredeceria muito!

A CONACS em consenso está indicando o Deputado Domingos Dutra (PT/MA) como Relator da Comissão Especial.A Presidente da CONACS em companhia do Deputado goiana Pedro Chaves (PMDB/GO), foi recebida ontem a noite no gabinete do Deputado Benjamim Maranhão (PMDB/PB), e se confirmada a expectativa de ser indicado Presidente da Comissão, reafirmou seu compromisso em ser um presidente atuante e fará o possível para acelerar o processo de votação do Piso Salarial dos ACS e ACE.

FONTE ACS ROBERTO

Deverão ser confirmados como membros da Comissão Especial os seguintes Deputados: REGULAMENTAÇÃO DA EC 63

Conheça os novos deputados federais que estarão na frente da nova comissão especial dos agentes comunitario de saúde e agentes de combate ás endemias de 2011.

A Conacs(confereação nacional dos agentes comunitario de saúde) em consenso está indicando os deputados federais:






BENJAMIN MARANHÃO - PMDB/PB

Benjamin Gomes Maranhão Neto
Nascimento: 30/11/1971
Naturalidade: João Pessoa, PB
Profissões: Cirurgião-Dentista
Filiação: Newton Pedrosa e Wilma Targino Maranhão Pedrosa
Gabinete: 458, Anexo 4, Telefone: 3215-5458, Fax: 3215-2458

Na presidência da Comissão especial dos acs/ace.



Domingos Francisco Dutra Filho
Nascimento: 20/3/1956
Naturalidade: Buriti, MA
Profissões: Advogado
Filiação: Domingos Francisco Dutra e Raimunda Francisca Fernandes
Gabinete: 806, Anexo 4, Telefone: 3215-5806, Fax: 3215-2806

como Relator da Comissão Especial.


deverão ser confirmados como membros da Comissão Especial os seguintes Deputados:


Hugo Napoleão DEM PI 414


Efraim Filho DEM PB 744


Mendonça Prado DEM SE 508


Alice Portugal PC do B BA 420

Jô Moraes PC do B MG 322
Flávia de Moraes PDT GO 738
Felipe Bornier PHS RJ 216
Pedro Chaves PMDB GO 406
Geraldo Resende PMDB MS 905
Marllos Sampaio PMDB PI 906
Leandro Vilela PMDB GO 309
José Linhares PP CE 860
Roberto Brito PP BA 733
Dr. Paulo César PR RJ 904
Jorge Pinheiro PRB GO 536
Cleber Verde PRB MA 710
Ribamar Alves PSB MA 729
Valtenir Pereira PSB MS 913


Raimundo Gomes de Matos PSDB CE 725

João Campos PSDB GO 315
Andreia Zito PSDB RJ 636
Josias Gomes PT BA 642
Fátima Bezerra PT RN 326
Domingos Dutra PT MA 806
Iracema Portela PT PI 924
Luiz Couto PT PB 442

quarta-feira, 25 de maio de 2011

25/5/2011 PLENÁRIO Ato da Presidência: Cria Comissão Especial, nos termos do inciso II e do § 1º do art. 34 do Regimento Interno dos acs/ace



25/5/2011 PLENÁRIO (PLEN)
Ato da Presidência: Cria Comissão Especial, nos termos do inciso II e do § 1º do art. 34 do Regimento Interno.(íntegra)


REQUERIMENTO Nº , de 2011

(Do Sr. GERALDO RESENDE)

Requer a criação de Comissão Especial destinada a proferir parecer ao Projeto de Lei nº 7495/2006, que regulamenta os §§ 4º e 5º do art. 198 da Constituição Federal, que dispõe sobre o aproveitamento de pessoal amparado pelo § único do art. 2º da Emenda Constitucional nº 51, de 14 de fevereiro de 2006, e dá outras providências e seus apensos.

Senhor Presidente,

Nos termos do inciso II do art. 34 do Regimento Interno, requeiro a Vossa Excelência seja criada Comissão Especial destinada a proferir parecer ao Projeto de Lei nº 7495/2006, que regulamenta os §§ 4º e 5º do art. 198 da Constituição Federal, que dispõe sobre o aproveitamento de pessoal amparado pelo § único do art. 2º da Emenda Constitucional nº 51, de 14 de fevereiro de 2006, e dá outras providências.

JUSTIFICAÇÃO

As Emendas Constitucionais 51 e 63 representaram conquistas fundamentais, não apenas dos Agentes Comunitários de Saúde e dos Agentes de Combate às Endemias, mas da sociedade como um todo.
O trabalho desses profissionais vem sendo reconhecido há anos, por
uma série de fatores, com destaque para sua contribuição para a humanização do
Sistema Único de Saúde (SUS) e de sua intervenção no interior das casas e
comunidades mais carentes de nosso País.

A Emenda 51 permitiu solucionar o problema da admissão desses
profissionais no serviço público em bases que preservam os princípios da
Administração Pública e as peculiaridades de suas atividades.
Já a Emenda 63, determinou que Lei Federal disponha sobre o
regime jurídico, o piso salarial, as diretrizes para os Planos de Carreira e a
regulamentação das atividades de Agente Comunitário de Saúde e Agente de
Combate às Endemias

Os projetos em epígrafe tratam da regulamentação e do piso salarial
desses profissionais, cujo trabalho é de suma importância para continuidade do
Programa Saúde da Família.
Considerando a extinção da Comissão Especial instalada em 2010,
sem apresentação do parecer, torna-se ainda mais urgente a reinstalação da
mesma, com vistas à melhoria das condições de trabalho dessa nobre categoria.
Sala da Comissão, em 27 de abril de 2011.

Deputado GERALDO RESENDE
PMDB/MS

terça-feira, 24 de maio de 2011

NOTA DE ESCLARECIMENTO DO ACS ROBERTO

Depois de anos trabalhando como agente comunitário de saúde, fica difícil assimilar ainda todo o legalismo e as vezes a prepotência que gira em torno de alguns companheiros acs/ace . Na realidade também não posso esquecer que meu blog acs Roberto tem um alcance enorme pelo Brasil sendo um canal constante de informação e que alguns acs/ace cresceu enraizado nessa visão costumeira que devemos sempre centraliza nossas opniões em um único foco.

Tenho recebido muitos email, e telefonemas e comentário no meu blog questionando qual de fato a minha posição? e de qual lado em estou da cntss/cut ou da conacs. Na realidade quando eu criei o blog acs Roberto a 3 anos a traz o maior e o principal objetivo era informar os acs/ace de todo o Brasil tudo o que acontecer com a nossa categoria de formar imparcial.E sempre colocando minhas opiniões quando acho ser necessário.

Na realidade esses questionamento de que lado eu estou, surgi pra mim como uma atitude exclusivamente de um acs que deste o inicio tenta boicota meu blog ao ponto de influência colegas com seus comentários maldosos ao meu respeito e acredite amigos! tenho recebido constantes ligações e email de colegas que relatam que esse acs anda difamando a minha pessoa com colegas por onde passa e através da rede social.

Lamentavelmente são mas pedras jogadas em minha direção.Não irei aqui dizer em que lado estou quem acompanha meu blog sabe muito bem que pra mim não importa a sigla e sim toda a nossa categoria de acs/ace, hoje o que eu posso dizer e que estarei nos dias 08/06/2011 e 09/06/2011 em Brasília na grande mobilização liderada pela conacs
.

acs Roberto

A CONACS – Confederação Nacional dos Agentes Comunitários de Saúde



Os horizontes estão se abrindo para os ACS e ACE do Brasil, essa e a nossa grande e a maior expectativas agora neste momento, aguardamos sinceramente que este ano de 2011 possamos solta o grito que esta entalado em nossas gargantas a anos.

Quero dizer amigos acs/ace que estarei em Brasília nos dias 08/06/2011 e 09/06/2011 nesta grande mobilização em prol da nossa categoria e na luta para regulamentação do nosso piso salarial já. Espero sinceramente que possamos nos encontra-mos na na grande mobilização em Brasília conhecer e rever grandes companheiros.

CONVOCAÇÃO GERAL DOS ACS E ACE
18/05


CONVOCAÇÃO GERAL


A CONACS – Confederação Nacional dos Agentes Comunitários de Saúde, por intermédio de sua Diretora Presidente, vem por meio desta CONVOCAR, todos os ACS e ACE do País para participarem da “MOBILIZAÇÃO NACIONAL A FAVOR DA APROVAÇÃO JÁ DO PISO SALARIAL NACIONAL DOS ACS E ACE”, se fazendo presentes nos dias 08 e 09 de Junho na Câmara de Deputados, Anexo II, a partir das 08:00 horas da manhã do dia 08/06, a fim de acompanhar as reuniões e debates para votação do Projeto de Lei que regulamenta o Piso Salarial, principalmente em Audiência Pública que se realizará no dia 09/06, no Anexo II da Câmara de Deputado, onde estão convidados, além das representantes da CONACS os representantes do Ministério da Saúde, dos Secretários Municipais de Saúde, Casa Civil, e Ministério do Planejamento.

A presença e participação de todas as Federações filiadas à CONACS, sindicatos da categoria e simpatizantes da causa, será fundamental para a conquista dos nossos objetivos de aprovação do Piso Salarial Nacional.

É de igual forma fundamental que todos os colegas ACS e ACE, independentemente de serem ou não filiados a alguma Federação ou Sindicado da categoria se mobilizem e mandem seus representantes.

OBS: Em tempo, informamos que a CONACS não se responsabilizará pela estadia e alimentação dos participantes da mobilização em Brasília, porém se coloca a disposição para auxiliar com informações e orientações a todos que quiserem participar da mobilização
.

Sem mais para o momento e certa de contar com a presença e participação de todos, envio votos de amizade e apreço.


A União faz a força!



Ruth Brilhante de Souza
Presidente da CONACS

Contatos:
conacs@hotmail.com
Fone/fax: 062 3225-6975 ou 62 9949-8365

O recomeço da luta pela regulamentação da Ec. 63 CNTSS e a Coordenação Nacional dos Sindicatos de ACS e ACE do Brasil.













SINDACS/BA participa do Ato Nacional
em Defesa dos ACS e ACE do Brasil

O recomeço da luta pela regulamentação da Ec. 63 que trata do nosso piso salarial e outros encaminhamentos tiveram inicio no dia 17/05/2011 na reunião que aconteceu as 10 h na sede do Dieese em Brasília com o supervisor técnico Covis Scherer e a CNTSS e a Coordenação Nacional dos Sindicatos de ACS e ACE do Brasil.

Os coordenadores do Sindacs/BA Aldenilson Viana Rangel e Robson Teixeira de Góis fizeram parte da discussão onde foi entregue aos participantes um relatório contendo dados importantes sobre atual realidade dos ACS e ACE no Brasil, no tocante a salários por região do pais, quantitativo de trabalhadores, maior numero de agentes de saúde por estado e media salarial do Brasil, que irão servir se embasamento para futuras discussões.

No mesmo dia participamos às 18h do lançamento da Frente Parlamentar Mista em Defesa dos ACS e ACE do Brasil, onde o presidente o dep.federal Valtenir Pereira, fez a leitura do estatuto que foi aprovado pelos participantes que estavam na plenária 11.

Ficamos muito feliz como nome do companheiro Amauri Teixeira do PT-Ba para a coordenação estadual e com isso poderemos trazer a Frente Parlamentar para futuros debates do andamento da Ec. 63 no nosso estado.

ATO NACIONAL EM DEFESA DO ACS E ACE DO
BRASIL CNTSS-CUT SINDACS DO BRASIL

E finalmente chegou o dia 18/05/11 para que pudéssemos ter certeza que o trabalho de organização dessas entidades sindicais de todo Brasil junto com a Cntss-Cut para o recomeço da luta pelo Piso Salarial e todas as necessidades dos trabalhadores ACS e ACE do Brasil, depois mesmo da Confederação ter tentado atrapalhar a luta dos trabalhadores, dizendo que não faria parte dessa mobilização porque não era dela, pois o que a confederação fez no ano de 2010 foi viagens para Brasília e não buscou realmente a luta, queria era dar visibilidade aos seus diretores para a eleição na qual Jogou a categoria contra a eleição de Dilma e não fez discussões serias e agora que fazer o mesmo processo mais nós entramos na luta para que as coisas aconteçam com certeza e que as informações, cheguem à base de forma clara.

Por exemplo, como vamos ter piso se não colocarmos no orçamento da união.
A marcha foi um sucesso com varias delegações dos estados tais como: Bahia, Alagoas, Paraíba, Pernambuco, Ceara, Sergipe, Rio de Janeiro, São Paulo, Goiás, Belo Horizonte, São Luis do Maranhão, Mato Grosso do Sul, Distrito Federal.


Isso mostra a vontade do trabalhador em lutar organizadamente e sem querer saber de caprichos e devaneios de confederação por que a luta é uma só.

VALEU ACS E ACE DO BRASIL E EM ESPECIAL A DELEGAÇÃO DA BAHIA O SINDACS AGRADECE A TODOS A LUTA É NOSSA!



fonte: sindacs

ACS/ACE UNIDOS SOMOS FORTES,REGULAMENTAÇÃO DO PISO SALARIAL JÁ!




Quero neste momento solicitar aos meus amigos agentes comunitário de saúde e agentes de combate ás endemias de todo o Brasil a participação de todos na grande mobilização que ira ocorrer em Brasília nós dias 08/06/2011 e 09/06/2011.



Esse evento liderado pela Conacs(Confederação Nacional dos agentes comunitário de saúde) terá como principal e exclusivo objetivo a regulamentação da ec 63 que trata sobre o piso salarial nacional dos acs /ace de todo o Brasil.



Sabemos que estamos na reta final, para que de fato, toda a categoria dos agentes comunitário de saúde e agentes de endemais venha ser verdadeiramente valorizada com ha regulamentação da ec 63.




Os principais caminhos, para que a regulamentação da ec 63 venha de fato acontecer! se dará apartir do dia 08/06/2011 e 09/06/2011 onde uma grande mobilização dos acs/ace de todo Brasil estarão reunidos com o mesmo objetivo,(regulamentação já do piso salarial dos agentes comunitário de saúde e agentes de de endenias)



Deste já quero afirmar meu compromisso com a categoria dos acs/ace de todo o Brasil, e estou a disposição de todos os acs/ace.



Acs Roberto

Associação e parlamentar cobram efetivação de agentes de saúde



Associação e parlamentar cobram efetivação de agentes de saúde
Redação 24 Horas News

Militantes da Associação dos Agentes Comunitários de Saúde e de Combate a Endemias de Mato Grosso e o deputado federal Valtenir Pereira (PSB-MT) cobraram na Praça Alencastro, nesta segunda-feira, a efetivação nos quadros da Prefeitura de profissionais da categoria.

O ato foi feito porque na semana passada, segundo organizadores, o prefeito e seus apoiadores chamaram no Senai Porto a categoria para uma reunião e avisar que estavam todos efetivados. Mas, o prefeito Chico Galindo não realizou nenhum ato legal com o termo de posse para oficializar a efetivação. Cerca de 400 agentes de Cuiabá que passaram por processo seletivo público há 16 anos aguardam a confirmação do poder público para o cargo.

“Fizeram manobra para esvaziar este ato de hoje para desmobilizar a todos nós. O que fizeram na sexta-feira foi uma manobra para tentar nos ludibriar”, avaliou Valtenir durante concentração do grupo na praça. “A lei é clara: quem fez seleção pública, disputou cargos de agentes antes de 14 de fevereiro de 2006, tem direito à efetivação”.

A data marca a criação da Lei Federal 11.350 que regulamentou a efetivação das duas categorias de agentes. O parlamentar é membro da Comissão Mista de Apoio aos Agentes Comunitários de Saúde e de Combate a Endemias, lançada na terça-feira passada na Câmara dos Deputados, em Brasília.

A presidente da associação, Dinorá Magalhães, disse que o prefeito Chico Galindo foi na casa dela no fim de semana para tentar contornar a situação. “O prefeito foi em casa sábado para nos desmobilizar. Eu disse a ele que nós viríamos segunda-feira para receber a posse”, conta. “O senhor prefeito, não fez nenhum ato de posse. Ele falou que não sabia, que foi convidado e disse que esteve lá e teve que falar que os agentes seriam efetivados”.

Segundo Dinorá, todo o procedimento sobre efetivação dos agentes de saúde foi encaminhado com documentos ao Ministério Público Estadual, que acompanha o caso. “O MP quer saber o nome de quem entrou no processo seletivo até 2006 e de 2006 até este ano. Ele, o prefeito, não tem para onde correr”.

Maria de Fátima da Silva Costa, nascida em Acorizal, mas há 26 anos em Cuiabá, fez processo seletivo em 1995 para concorrer a sete vagas. “Até meu cargo colocaram errado com Técnico em Patologia, mas sou agente de combate a endemias, mas continuo trabalhando. Várias vezes ouvi falar da efetivação, há muitas lutas que estamos correndo atrás”, recorda a agente que atua no bairro São João Del Rey, na região do Coxipó.

Ela informa que ela começou a trabalhar após o processo seletivo em 1995, mas na admissão está 1997, outro erro. “Nós passamos dados e informações para todo o serviço público. Queremos que seja mais transparente, que sejamos mais valorizados. Acompanho 66 hipertensos, 17 diabéticos e visitamos eles uma vez por mês”, relata rotina de trabalho.

segunda-feira, 23 de maio de 2011

MOBILIZAÇÃO NACIONAL A FAVOR DA APROVAÇÃO JÁ DO PISO SALARIAL NACIONAL DOS ACS E ACE









A Audiência Pública que se realizará no dia 09/06/2011 em Brasília, no Anexo II da Câmara de Deputado Federais. No comanda da Conacs,terá como principal missão avançar na reinstalação da Comissão Especial que deverá apresentar o relatório final dos projetos apensados ao PL 7495/06, fato que está dependendo tão somente de um despacho da presidência da Câmara de Deputados ao requerimento já feito no início do ano de 2011.

Outro objetivo também da Audiência Pública será a regulamentação da ec 63 o mais rápido possível e Piso Salarial em dois salários mínimos.” Porem a grande batalha sera é retomar nesse momento as negociações com o Governo Federal, já que desde o fim do ano passado membros do Governo da Presidenta Dilma vêm afirmando que o primeiro ano será de austeridade e corte no orçamento.

Porém, é necessário a retomada das negociações com o Governo Federal sobre o encaminhamento do PL do Executivo fixando o valor do Piso Salarial Nacional para que finalmente possa ser votado o relatório final da Comissão Especial e concretizada a regulamentação da EC 63.

Nesta Audiência Pública estarão os representantes do Ministério da Saúde, dos Secretários Municipais de Saúde, Casa Civil, e Ministério do Planejamento.

A CONACS – Confederação Nacional dos Agentes Comunitários de Saúde,CONVOCAR, todos os ACS e ACE do País para participarem da “MOBILIZAÇÃO NACIONAL A FAVOR DA APROVAÇÃO JÁ DO PISO SALARIAL NACIONAL DOS ACS E ACE”,

fonte:acs Roberto

MATERIAS DO BLOG DO ACS ROBERTO