SEJA UM SEQUIDOR DO BLOG DO ACS ROBERTO

terça-feira, 22 de setembro de 2009

AGENTES DE ENDEMIAS EM AÇÃO CONTRA O MOSQUITO Aedes Aegypti.


Dourados- 22/9/2009 8:10:00
Diante de surto, Dourados fecha cerco contra a dengue

Com o crescimento dos casos de dengue, as autoridades de saúde de Dourados têm intensificado as ações de combate à proliferação do Aedes aegypti, que é o mosquito transmissor da doença. Os terrenos baldios e os imóveis fechados são os principais alvos dos agentes de controle de endemias.

Para garantir a limpeza dos locais, o CCZ (Centro de Controle de Zoonoses) de Dourados tem colocado em prática a aplicação da Lei da Dengue. Aprovada em 2006, a lei garante ao município o poder de notificar e multar os proprietários de terrenos baldios e imóveis fechados onde são localidades criadouros do mosquito da dengue. A multa varia de R$ 100 a R$ 800.

Conforme a diretora do CCZ, Rosana Alexandre da Silva, de janeiro até agora, 239 donos de imóveis foram notificados pela prefeitura depois que os agentes e fiscais do município flagrar a existência de locais favoráveis a reprodução do mosquito transmissor da dengue nas propriedades. Deste total, 222 proprietários já efetuaram a limpeza das áreas e se enquadraram na lei. “Estamos intensificando essas fiscalizações. Após a denúncia, localizamos a propriedade, tiramos fotos dos pontos de acúmulo de água, notificados o proprietário, dando um prazo de 15 dias para a regularização. Esse trabalho tem dado resultado, já que mais de 90% das notificações terminam com a regularização das propriedades”, comentou Rosana.

O CCZ também já notificou neste ano 61 proprietários de terrenos baldios onde foram encontradas irregularidades. Deste total, 50 casos acabaram resolvidos após a limpeza dos terrenos, quatro ainda estão dentro do prazo de regularização, três proprietários não foram localizados, quatro foram encaminhados a Semsur para aplicação de multa e um terreno permanece fechado.

O avanço da dengue tem sido a principal preocupação da saúde pública em Dourados. O município enfrenta atualmente um surto da doença.

Conforme os números divulgados na semana passada pelo Núcleo de Vigilância Epidemiológica da Secretaria Municipal de Saúde, de janeiro até agora, já foram notificados 964 casos suspeitos de dengue no município. Deste total, são 705 casos confirmados, 256 descartados e 26 casos pendentes.

Os números são ainda mais alarmantes se comparado com o total de casos de dengue registrados no ano passado em Dourados. A quantidade de notificações até a semana passada supera em 312% o total de casos suspeitos de dengue diagnosticados no ano passado. Em 2008, durante todo o ano, foram notificados apenas 232 casos.

Já entre os casos positivos, o crescimento da dengue no município é 2100% neste ano, se comparado com os números de 2008. No ano passado, foram confirmados apenas 32 casos, quantidade muito inferior aos 705 casos confirmados até o momento em Dourados.



Fonte: Diário MS: FONTE:RADIO GRANDE FM G 92,1

Nenhum comentário:

Postar um comentário

FAÇA UMA PERGUNTA AO ACS ROBERTO!

MATERIAS DO BLOG DO ACS ROBERTO